Título: Terá a minha filha algum problema no seu desenvolvimento?

Enviado por: Susana

em: 18-02-2010 13:33

A minha filha tem quase 3 anos (faltam umas semanas) e não está em nenhuma Escola. Está com as avós (uns dias com uma outros dias com outra). Desde dos 2 anos anos que eu noto umas particularidades que me deixam confusa...pensando que ela terá algum problema de desenvolvimento. Hiperactividade??
- Nem sempre toma atenção às coisas. Devido a isso muitas vezes cai, entorna coisas, etc. Não tem muita noção dos seus movimentos em relação aos objectos que a rodeiam, não se desviando deles, e devido a isso passa por cima ou encalha neles e muitas vezes cai;
- É tímida com estranhos e muitas vezes com pessoas que lhe são próximas (esconde-se atrás de nós);
- Por vezes é anti-social (Ex: quando vai ao parque por vezes quando não lhe agrada certa criança diz logo para nós “não gosto do menino” e nem chegou a brincar com ele ou então se estão muitas crianças a brincar no escorrega ela espera que todos vão embora daquele espaço para ela ir brincar);
- Por vezes tem a mania das rotinas. Fazer tudo sempre da mesma forma, conforme anteriormente tinha feito (Ex: Quando veste um casaco tem que estar abotoado nos botões todos);
- Na maioria das vezes o dialogo dela é confuso. Está a falar de uma coisa e imediatamente a seguir começa a falar de outra coisa que não tinha nada a ver com o anterior assunto;
- Muitas vezes parece que não consegue lidar com as suas emoções;
- Tem medo do escuro e ficar sozinha;
- Ainda usa fralda (na maioria das vezes avisa quando tem cocó. Todas as manhãs ponho-lhe a fazer xixi no redutor. Noutras alturas do dia vai ela própria fazer xixi na sanita, mas muito raramente);
- Dificuldade em adormecer sozinha (Desde alguns meses dorme com os pais, uma vez que a meio da noite saltava da sua cama de grades e vinha ter à nossa cama);
- Por noite dorme cerca de 8h/8h30. Durante o dia dorme 1h30/2h, mas muitas vezes, com intervalo, caso acorde e não esteja ninguém por perto;
- Dificuldade em descer escadas;
- Não identifica a idade pelos dedos;
- Na maioria das vezes não cumpre o que lhe mandamos fazer, principalmente, se não for do seu agrado ou porque entende que não quer ou faz de conta que não houve;
- Não se entretém a brincar muito tempo com uma coisa, mesmo quando brinca com outras crianças;
- Não é organizada quando brinca (deixa tudo espalhado);
- Até ao momento não nomeia nenhuma cor, no entanto, por vezes quando brinca com os legos separa-os por cor;
- Por vezes esquece-se dos nomes de outras crianças, amigos, familiares (daqueles que não vê regularmente) e quando conhece alguma criança, no parque, sem lhe perguntar o nome “baptiza-o” logo com um nome que ela quer;
- Dos desenhos que faz são só “gatafunhos” (espirais);
- Não pedala no triciclo, só se movimenta com os pés no chão;
- Há pouco tempo começou a gaguejar, mas depois parece que passou;
- Consegue manter a concentração quando vê televisão ou quando está no computador, mas não consegue estar muito tempo na mesma posição;
- Gosta muito de subir em coisas e saltar;
- Adora telemóveis e malas;
- Nota-se que quer muita atenção (por vezes sufoca-nos de tanta atenção que quer). Na maioria das vezes é muito meiga;
- Tem boa memória fotográfica (quando vai de carro sabe os caminhos por onde costuma passar, sabe reconhecer a marca de 2 grandes superfícies, decorou a marca de carro da tia e muitas vezes reconhece um carro daquela marca, mas de outro modelo e cor.

Dos pontos que anteriormente referi foram dados conhecimento à Pediatra da minha filha, na consulta dos 3 anos. Foi me dito pela Pediatra que não achava que ela fosse hiperactiva, mas que ainda era cedo para ver. Recomendou que se começasse a fazer o desfralde, que a colocasse em mais actividades (música e ginástica) e que em Setembro a matriculasse no Jardim de Infância.

Eu ainda referi a questão de ela ser observada pelo um especialista (psicopedagoga, neurologista, etc.), mas a Pediatra disse que não achava que era necessário.

Posto isto, gostava de saber o que é mais aconselhável fazer? Consultar um especialista? Que tipo de Especialista? Se existe na zona do Algarve? Ou se devo aguardar?

Responder Novo Tópico



Outras mensagens neste tópico:

Terá a minha filha algum pro...  Enviado por: Susana  em: 18-02-2010 13:33
RE: Terá a minha filha ...  Enviado por: Drª Rosa Gouveia - Pediatra do Desenvolvimento  em: 26-02-2010 05:05


Voltar

sociedade  |  contactos  |  agenda  |  homepage